segunda-feira, 20 de junho de 2016

micropoesia

deste dia
o que de triste resta
são grades e saudades

Nenhum comentário:

Postar um comentário